Estudo sobre cicatrizes decorrentes de acne, 2012

Centro de testes

Dept. de Dermatologia, Peking University First Hospital, Pequim, China.

Objetivo

Um estudo exploratório para avaliar a eficácia de Bi-Oil na melhoria da aparência de cicatrizes decorrentes de acne em chineses.

Amostra

Sujeitos: 44 chineses com cicatrizes de acne recém formadas no rosto (com menos de 1 ano). O grupo de tratamento com Bi-Oil incluía 32 sujeitos e o grupo sem tratamento incluía 12 sujeitos. Idade dos participantes: 14 a 30

Metodologia

Aleatório, controlado, classificador de eficácia cego. Os sujeitos participaram de uma triagem inicial seguida por um período de 1 semana de limpeza. O produto foi aplicado duas vezes por dia durante 10 semanas. A aplicação foi feita sob supervisão a intervalos regulares. As avaliações foram feitas com 0, 4, 8 e 10 semanas incluindo: avaliação do GSS (Global Scarring Score) pelo investigador, medição da coloração/vermelhidão usando um cromâmetro, medições de nível de sebo usando um sebômetro, documentação do número de comedôes e lesões inflamatórias por um dermatologista. Os sujeitos também completaram questionários de autoavaliação a cada visita.

Resultado

O melhor resultado da classificação clínica foi na habilidade do Bi-Oil em reduzir o eritema ou vermelhidão de cicatrizes de acne maculares (lisas), com a pele em geral tornando-se mais clara. Os resultados da autoavaliação mostraram que mais de 84% dos sujeitos sentiram uma melhora na condição geral de suas cicatrizes de acne e mais de 90% sentiram uma melhora na coloração da cicatriz. Os resultados da contagem de acne e da medição de sebo mostraram que usar o Bi-Oil não causa ou agrava a acne ou aumenta a secreção de sebo.